Twitter

Twitter Updates

    Artigos Facebook

    Gestão sustentável de resíduos em Lisboa

    arquivos

    Julho 2010

    Maio 2010

    Abril 2010

    Março 2010

    Fevereiro 2010

    Janeiro 2010

    Dezembro 2009

    Novembro 2009

    Outubro 2009

    Setembro 2009

    Agosto 2009

    Julho 2009

    Junho 2009

    Maio 2009

    posts recentes

    Estamos aqui: lxsustentav...

    O LX Sustentável mudou

    Mais vale tarde do que nu...

    A resposta de Pachauri

    Ainda Brasília (mas agora...

    Não há cidades perfeitas ...

    Vamos ter uma Segunda Cir...

    Planeta pode entrar em ca...

    Siemens e LNEC vão avalia...

    Como seriam as cidades se...

    Quinta-feira, 15 de Outubro de 2009

    Portugal tem que melhorar gestão de resíduos sólidos urbanos

    “Um sistema inteligente de gestão de resíduos sólidos urbanos pode evitar, anualmente, que 1,3 toneladas de CO2 per capita sejam emitidas nas grandes cidades”.

     

    A afirmação pertence ao chefe da task force da Associação Internacional de Resíduos Sólidos (ISWA) para os gases de estufa e relação com a gestão sustentável de resíduos, Jens Aage Hansen, ao Ambiente Online, durante o Congresso Mundial de Resíduos, que decorreu esta semana no CCB, Lisboa.

     

    Segundo Hansen, o potencial da gestão eficaz de resíduos foi traçado por um estudo que tem como modelo uma cidade dinamarquesa de 200 mil habitantes e onde os valores de reciclagem, gestão de resíduos e eficiência energética são medidos desde 1960.

     

    “A ISWA apercebeu-se, há dois anos, que existe uma oportunidade para a indústria de resíduos sólidos urbanos [para] mudar o seu papel de responsável por 2 ou 3% do total de emissões de gases responsáveis pelo efeito de estufa”, revelou Hansen ao Ambiente Online.

     

    Este projecto, essencial para o desenvolvimento sustentável das cidades, está a ser alargado a cidades alemães e suecas, para perceber se o caso dinamarquês é isolado ou se é um exemplo que pode ser seguido um pouco por toda a Europa.

     

    Hansen moderou uma sessão técnica sobre soluções na gestão de resíduos que possam ter impacto na luta contra as alterações climáticas, sessão essa onde ficou presente que, em Portugal, a percentagem de CO2 emitida pelo sector dos resíduos é de 12%, um valor muito acima dos 5% do sector a nível mundial.
     

    publicado por LX Sustentável às 12:09
    link do post | comentar | favorito

    pesquisa

     
    Perfil de Lisboa Sustentável
    Lisboa Sustentável's Facebook Profile
    Cria o Teu Crachá

    Categorias

    todas as tags

    Parceiros












    Media Partners









    subscrever feeds