Twitter

Twitter Updates

    Artigos Facebook

    Gestão sustentável de resíduos em Lisboa

    arquivos

    Julho 2010

    Maio 2010

    Abril 2010

    Março 2010

    Fevereiro 2010

    Janeiro 2010

    Dezembro 2009

    Novembro 2009

    Outubro 2009

    Setembro 2009

    Agosto 2009

    Julho 2009

    Junho 2009

    Maio 2009

    posts recentes

    Estamos aqui: lxsustentav...

    O LX Sustentável mudou

    Mais vale tarde do que nu...

    A resposta de Pachauri

    Ainda Brasília (mas agora...

    Não há cidades perfeitas ...

    Vamos ter uma Segunda Cir...

    Planeta pode entrar em ca...

    Siemens e LNEC vão avalia...

    Como seriam as cidades se...

    Sexta-feira, 20 de Novembro de 2009

    O lóbi das cidades vai liderar o século XXI

    Deixamos por momentos a Cimeira de Copenhaga e entramos novamente em Lisboa. Isto porque o presidente da Câmara Municipal de Lisboa, António Costa, revelou ontem que as autarquias vão exigir, na próxima cimeira Ibero-Americana, um reforço do poder local junto dos chefes de Estado e de Governo.

     

    “[Em pleno século XXI a tendência é para existir”] um cada vez maior protagonismo das cidades e dos Governos locais no teatro mundial das relações internacionais”, referiu António Costa, citado pelo Diário de Notícias.

     

    O presidente da Câmara de Municipal de Lisboa falava no IV Fórum Ibero-Americano de Governos Locais, onde também esteve presente o presidente da Associação Nacional de Municípios Portugueses (ANMP), Fernando Ruas. Segundo Ruas, os autarcas vão constituir-se “num lóbi tão forte e interventivo” quanto for capaz, para atingir os propósitos que ambicionam.

     

    Na conferência será também aprovada (mais concretamente, hoje) uma Carta Ibero-Americana de Autonomia Local, que será depois apresentada aos líderes dos países que participam no final do mês, no Estoril, na Cimeira Ibero-Americana.

     

    O objectivo da Carta é obter “o reconhecimento de que a Inovação Municipal propicia o desenvolvimento económico e a sustentabilidade das cidades, fomenta a criação de emprego, impulsiona a produtividade e conduz à modernização dos serviços”.

     

    No LXSustentável temos referido, várias vezes, o problema que muitas cidades sentem em implementar medidas de sustentabilidade, devido à falta de poder para o fazer – e quem o diz são os próprios autarcas, não somos nós. Não deixa de ser positivo, portanto, esta nova acção para colocar mais poder – mas também mais responsabilidade – na gestão autárquica.

     

    Até porque o século XXI, como vários especialistas em sustentabilidade, ambiente e economia têm dito nos últimos anos, será o século das cidades. Com ou sem lóbi.

    publicado por LX Sustentável às 15:00
    link do post | comentar | favorito
    1 comentário:
    De jorgelopes a 23 de Novembro de 2009 às 00:18
    Lóbis das cidades onde Seres Sustentável, pregam uma economia competitiva ao mesmo tempo sem pegada ecologia, numa sociedade sem pressões. Seres anti-heroi. Anti-heroi são aqueles que afirmam que as Orgnizações Politicas não estam ao serviço dos seus seres votantes (apoiantes) ,trata-se da sobrevivência de cada um dos seus elementos, uns com mais perfil de outros, cada um na sua escala, na sua missão de governança. Como exemplo O Movimento da Moda, “Luto Contra a Corrupção em Portugal” (vende) deveria ser Luto (pelo enterro) do Financiamento dos Partidos Desta Região Suburbana da Comunidade Europeia. Isso Ultrapassa-me, o mesmo se passa com a Grande Maioria da População. Porém quanto maior for a Transparência maior será a Rentabilidade com a consequências o aumento do Investimento, mais importantes mais oportunidades de Trabalho, assim por diante. De acordo com o Ranking da ONG Transparency International:
    1 New Zealand 9.4;2 Denmark 9.3;3 Singapore 9.2;3 Sweden 9.2;5 Switzerland 9.0;6 Finland 8.9;6 Netherlands 8.9;8 Australia 8.7;8 Canada 8.7;8 Iceland 8.7;11 Norway 8.6;12 Hong Kong 8.2;12 Luxembourg 8.2;14 Germany 8.0;14 Ireland 8.0;16 Austria 7.9;17 Japan 7.7;17 United Kingdom 7.7;19 United States 7.5;20 Barbados 7.4;21 Belgium 7.1;22 Qatar 7.0;22 Saint Lucia 7.0;24 France 6.9;25 Chile 6.7;25 Uruguay 6.7;27 Cyprus 6.6;27 Estonia 6.6;27 Slovenia 6.6;30 United Arab Emirates 6.5;31 Saint Vincent and the Grenadines 6.4;32 Israel 6.1;32 Spain 6.1;34 Dominica 5.9;……35 Portugal 5.8……35 Puerto Rico 5.8;37 Botswana 5.6;37 Taiwan 5.6;39 Brunei Darussalam 5.5;39 Oman 5.5;39 Korea (South) 5.5;42 Mauritius 5.4;43 Costa Rica 5.3;43 Macau 5.3;45 Malta 5.2;46 Bahrain 5.1;46 Cape Verde 5.1;46 Hungary 5.1;49 Bhutan 5.0;49 Jordan 5.0;49 Poland 5.0;52 Czech Republic 4.9;52 Lithuania 4.9;54 Seychelles 4.8;55 South Africa 4.7;56 Latvia 4.5;56 Malaysia 4.5;56 Namibia 4.5;56 Samoa 4.5;56 Slovakia 4.5;61 Cuba 4.4;61 Turkey 4.4;63 Italy 4.3;63 Saudi Arabia 4.3;65 Tunisia 4.2;66 Croatia 4.1;66 Georgia 4.1;66 Kuwait 4.1;69 Ghana 3.9;69 Montenegro 3.9;71 Bulgaria 3.8;71 FYR Macedonia 3.8;71 Greece 3.8;71 Romania 3.8;75 Brazil 3.7;75 Colombia 3.7;75 Peru 3.7;75 Suriname 3.7;79 Burkina Faso 3.6;79 China 3.6;79 Swaziland 3.6;79 Trinidad and Tobago 3.6;83 Serbia 3.5;84 El Salvador 3.4;84 Guatemala 3.4;84 India 3.4;84 Panama 3.4;84 Thailand 3.4;89 Lesotho 3.3;89 Malawi 3.3;89 Mexico 3.3;89 Moldova 3.3;89 Morocco 3.3;89 Rwanda 3.3;95 Albania 3.2;95 Vanuatu 3.2;97 Liberia 3.1;97 Sri Lanka 3.1;99 Bosnia and Herzegovina 3.0;99 Dominican Republic 3.0;99 Jamaica 3.0;99 Madagascar 3.0;99 Senegal 3.0;99 Tonga 3.0;99 Zambia 3.0;106 Argentina 2.9;106 Benin 2.9;106 Gabon 2.9;106 Gambia 2.9;106 Niger 2.9;111 Algeria 2.8;111 Djibouti 2.8;111 Egypt 2.8;111 Indonesia 2.8;111 Kiribati 2.8;111 Mali 2.8;111 Sao Tome and Principe 2.8;111 Solomon Islands 2.8;111 Togo 2.8;120 Armenia 2.7;120 Bolivia 2.7;120 Ethiopia 2.7;120 Kazakhstan 2.7;120 Mongolia 2.7;120 Vietnam 2.7;126 Eritrea 2.6;126 Guyana 2.6;126 Syria 2.6;126 Tanzania 2.6;130 Honduras 2.5;130 Lebanon 2.5;130 Libya 2.5;130 Maldives 2.5;130 Mauritania 2.5;130 Mozambique 2.5;130 Nicaragua 2.5;130 Nigeria 2.5;130 Uganda 2.5;139 Bangladesh 2.4;139 Belarus 2.4;139 Pakistan 2.4;139 Philippines 2.4;143 Azerbaijan 2.3;143 Comoros 2.3;143 Nepal 2.3;146 Cameroon 2.2;146 Ecuador 2.2;146 Kenya 2.2;146 Russia 2.2;146 Sierra Leone 2.2;146 Timor-Leste 2.2;146 Ukraine 2.2;146 Zimbabwe 2.2;154 Côte d´Ivoire 2.1;154 Papua New Guinea 2.1;154 Paraguay 2.1;154 Yemen 2.1;158 Cambodia 2.0;158 Central African Republic 2.0;158 Laos 2.0;158 Tajikistan 2.0;162 Angola 1.9;162 Congo Brazzaville 1.9;162 Democratic Republic of Congo 1.9;162 Guinea-Bissau 1.9;162 Kyrgyzstan 1.9;162 Venezuela 1.9;168 Burundi 1.8;168 Equatorial Guinea 1.8;168 Guinea 1.8;168 Haiti 1.8;168 Iran 1.8;168 Turkmenistan 1.8;174 Uzbekistan 1.7;175 Chad 1.6;176 Iraq 1.5;176 Sudan 1.5;178 Myanmar 1.4;179 Afghanistan 1.3;180 Somalia 1,1
    Alguns paises estão a frente de Portugal e outros atrás, com reflexo do seu custo de vida, do seu grau de equidade e da sua envolvente no local, ou seja no seu modo de ser ou não sitios Sustentável/INSustentável.

    Comentar post

    pesquisa

     
    Perfil de Lisboa Sustentável
    Lisboa Sustentável's Facebook Profile
    Cria o Teu Crachá

    Categorias

    todas as tags

    Parceiros












    Media Partners









    subscrever feeds