Twitter

Twitter Updates

    Artigos Facebook

    Gestão sustentável de resíduos em Lisboa

    arquivos

    Julho 2010

    Maio 2010

    Abril 2010

    Março 2010

    Fevereiro 2010

    Janeiro 2010

    Dezembro 2009

    Novembro 2009

    Outubro 2009

    Setembro 2009

    Agosto 2009

    Julho 2009

    Junho 2009

    Maio 2009

    posts recentes

    Estamos aqui: lxsustentav...

    O LX Sustentável mudou

    Mais vale tarde do que nu...

    A resposta de Pachauri

    Ainda Brasília (mas agora...

    Não há cidades perfeitas ...

    Vamos ter uma Segunda Cir...

    Planeta pode entrar em ca...

    Siemens e LNEC vão avalia...

    Como seriam as cidades se...

    Segunda-feira, 4 de Janeiro de 2010

    A palavra ciclovia entra no dicionário das autarquias

    Começamos o ano com aquela que, esperamos, será uma das tendências paras as autarquias portuguesas em 2010: a construção de vários quilómetros de ciclovias.

     

    Entramos no ano com este assunto porque, segundo explica hoje o jornal Público, a Câmara do Entroncamento está a “intensificar” o ritmo de construção de ciclovias. O diário refere que, a médio prazo, o objectivo será mesmo conseguir atravessar, em ciclovias, a cidade de um extremo ao outro e aceder a zonas de lazer.

     

    Apesar de o concelho dispor já de 2,2 quilómetros de ciclovias, o objectivo é chegar ao centro da cidade. “O próximo troço vai ter cerca de 300 metros e ficará situado no centro da cidade, aproveitando a cobertura em cimento sobre a ribeira entre a Praça Salgueiro Maia e a Rua Batalhão Sapadores dos Caminhos de Ferro”, explicou ao Público o presidente daquela autarquia, Jaime Ramos.

     

    A Câmara do Entroncamento vai ainda aproveitar esta intervenção para requalificar o espaço contíguo, aperfeiçoar o mobiliário urbano, melhorar a iluminação, os espaços verdes, as telecomunicações e os passeios pedonais. Quando terminada, a rede de ciclovias do Entroncamento terá quatro quilómetros de comprimento.

     

    Para o futuro está também prevista a possibilidade de ligação ao rio Tejo, na zona do parque urbano ribeirinho de Vila Nova da Barquinha, por uma outra ciclovia, aproveitando o próprio investimento da Câmara da Barquinha nestas redes viárias. 

     

    Voltamos hoje à tarde com outra boa notícia... Até já. 
     

    publicado por LX Sustentável às 12:27
    link do post | comentar | favorito

    pesquisa

     
    Perfil de Lisboa Sustentável
    Lisboa Sustentável's Facebook Profile
    Cria o Teu Crachá

    Categorias

    todas as tags

    Parceiros












    Media Partners









    subscrever feeds