Artigos Facebook

Gestão sustentável de resíduos em Lisboa

arquivos

Julho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

posts recentes

Estamos aqui: lxsustentav...

O LX Sustentável mudou

Mais vale tarde do que nu...

A resposta de Pachauri

Ainda Brasília (mas agora...

Não há cidades perfeitas ...

Vamos ter uma Segunda Cir...

Planeta pode entrar em ca...

Siemens e LNEC vão avalia...

Como seriam as cidades se...

Quinta-feira, 10 de Dezembro de 2009

A generosidade da UE em Copenhaga

A Suécia e a Dinamarca já anunciaram, na Cimeira do Clima, que vão doar 800 e 120 milhões de euros, respectivamente, para ajudar a financiar o combate às alterações climáticas.

 

Já não falta tudo, por isso, para chegar aos sete mil milhões de euros que as Nações Unidas estimam que sejam precisos, entre 2010 e 2012, para financiar os países que mais ficarão “prejudicados” com as medidas para combater o aquecimento central.

 

A “generosidade” (ou a falta dela) da União Europeia tem sido um dos temas mais quentes do início da Cimeira de Copenhaga. Segundo a BBC News, a Suécia, que actualmente tem a presidência rotativa da União Europeia, terá dado até amanhã para os restantes 25 países da UE chegarem a uma conclusão sobre o nível de ajudas financeiras que concederão aos países em desenvolvimento.

 

O objectivo é ter um número concreto para anunciar em Copenhaga e, como isso, conseguir um “momento positivo” nas negociações que estão a ser desenvolvidas na capital dinamarquesa.

 

Paralelamente, e na mesma cimeira europeia que decorre, até amanhã, em Bruxelas, na Bélgica, o Governo sueco pretende saber se os restantes países da UE estão dispostos a melhorar a promessa de reduzir as emissões de gases poluidores em 20% até 2020.

 

De qualquer forma, mesmo que haja uma decisão amanhã, é pouco provável que ela seja anunciada antes dos dias finais da Cimeira do Clima, no final da semana passada. Um acordo total e substancial por parte da Europa a 27 é o que se espera. Mas estará a UE disposta a ceder?

publicado por LX Sustentável às 16:05
link do post | comentar | favorito

pesquisa

 

Categorias

todas as tags

subscrever feeds