Artigos Facebook

Gestão sustentável de resíduos em Lisboa

arquivos

Julho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

posts recentes

Estamos aqui: lxsustentav...

O LX Sustentável mudou

Mais vale tarde do que nu...

A resposta de Pachauri

Ainda Brasília (mas agora...

Não há cidades perfeitas ...

Vamos ter uma Segunda Cir...

Planeta pode entrar em ca...

Siemens e LNEC vão avalia...

Como seriam as cidades se...

Terça-feira, 16 de Março de 2010

Peterborough vai ser a cidade mais inteligente do Reino Unido

Hoje já re-twittámos esta notícia, mas não resistimos a escreve-la aqui. A improvável Peterborough pode tornar-se na cidade mais inteligente do Reino Unido. Como? Através de um pioneiro sistema de monitorização de consumo de energia, água e resíduos.

 

A notícia é do Business Green e diz que a autarquia local estabeleceu uma série de acordos que vai permitir à cidade ter um dos mais sofisticados projectos de smart grid da Europa.

 

A parceria foi anunciada hoje e inclui a participação da IBM, da Royal Haskoning, da consultora ambiental Green Ventures e da agência de desenvolvimento local Opportunity Peterborough.

 

O objectivo, como já dissemos, é desenvolver, numa única plataforma online, todo o sistema de análise e monitorização em tempo real dos sistemas de energia, água e resíduos da cidade.

 

Os dados serão fornecidos ao minuto pela autarquia – e empresas relacionadas – negócios e até pelos próprios habitantes, o que fará com que toda a informação sobre a performance ambiental da cidade seja gerida a partir de um portal da Internet. Esse portal integrará todos os processos ambientais da cidade para conseguir reduzir a emissão de gases nocivos, a (má) utilização da água ou os níveis de resíduos.

 

A cidade também ficará a saber quais as áreas em que tem de melhorar para modificar o impacto ambiental das acções das suas empresas ou cidadãos, desenvolvendo políticas específicas para estes casos.

 

Segundo a Green Ventures, a primeira fase do projecto irá focar-se na recolha de dados sobre a energia e a utilização da água na cidade. “O objectivo deste projecto é possibilitar que Peterborough tenha uma ideia da sua actual performance de sustentabilidade, sendo que o detalhe deste sistema levará a identificar a forma como as organizações os indivíduos podem trabalhar juntos [para melhorar a sustentabilidade de Peterborough] e em que áreas a cidade deve dar prioridade ao seu investimento”, explicou Amy Savage, engenheira da Royal Haskoning.

 

Pode saber mais sobre a histórica cidade de Peterborough aqui. E recordar um post antigo sobre Paredes, a futura cidade eco-inteligente portuguesa, aqui.


 

publicado por LX Sustentável às 17:43
link do post | comentar | favorito

pesquisa

 

Categorias

todas as tags

subscrever feeds